Conheçam nosso novo site.

Conheçam nosso novo site.
O NOSSO BLOG AGORA VIROU UM PORTAL DE NOTICIAS. ----------------------Aqui ficaram arquivadas as matérias antigas do Blog, se você quiser acompanhar as novas matérias do novo portal “Plantão JTI” clique na imagem acima ou é só acessar o novo site através deste endereço www.plantaojti.com.br

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Operação Corleone da Policia Civil desarticula uma das principais quadrilhas de tráfico de drogas do sudoeste goiano



 Escrito por ELY NOGUEIRA   
Os Acusados
Na madrugada de ontem terça-feira (18) 5 delegados e 30 agentes da Policia Civil, cumpriram 7 mandados de prisão que resultaram nas prisões de Walter Junior de Sousa e seu irmão Paulo Roberto de Sousa, apontados pela Policia Civil como sendo os chefes de um esquema de tráfico de drogas em Rio Verde-Go.
Foram presos ainda, André Luiz Prado Leao, Karine Cardoso Guimaraes, Tiago Messias Lima, Diego Campos Anjos e Marcos Antônio de Sousa.

Segundo o delegado adjunto do GRUPO ESPECIAL DE REPRESSÃO A NARCÓTICO (GENARC) da Policia Civil de Rio Verde-Go, a operação denominada, Corleone, (Faz referencia a um poderoso mafioso italiano que residia nos Estados Unidos nos anos 40), contou com a colaboração da DENARC - DELEGACIA ESTADUAL DE REPRESSÃO A NARCÓTICOS.
Veículos apreendidos

Além de prenderem as sete pessoas, os policiais apreenderam cerca de 30 veículos, entre carros populares e de luxo, motos esportivas e Jet Ski.
Segundo o delegado da Denarc, Odair José Sales, esse foi o maior golpe dado pela policia nos traficantes de drogas da região de Rio Verde.
“As investigações que duraram cerca de 4 meses comprovaram que uma garagem de compra e venda de veículos que pertence a dois integrantes da quadrilha, era utilizada para lavar o dinheiro do tráfico de drogas”. Disse Francisco Lipari.

Ainda segundo o delegado, o grupo é responsável pela comercialização e distribuição de quase 100% de pasta base de cocaína (matéria prime do Crack) comercializada em Rio Verde.
O Delegado Regional Danilo Fabiano de Carvalho comemorou a ação da policia civil, e disse que o sucesso desta operação só foi possível devido à parceria da Policia Civil e o Ministério Público Criminal.

O INICIO DAS INVESTIGAÇÕES:

Depois de três grandes apreensões de drogas realizadas há alguns meses, os delegados do Genarc, Adelson Candeo e Francisco Lipare, descobriram que todo o entorpecente seria entregue a quadrilha. A partir das informações levantadas após as prisões de algumas pessoas que transportavam grandes quantidades de drogas, foram feitos os monitoramentos e as identificações de cada um dos suspeitos.
O esquema era tão bem articulado que alguns integrantes compravam e vendiam a droga sem se quer vê-la.
Segundo o Promotor Paulo Eduardo, serão pedidos á justiça, que os veículos apreendidos sejam revertidos em prol da comunidade.
“Com essa operação conseguimos desarticular a principal quadrilha de tráfico de drogas na região, os crimes violentos que são ostentados pelo tráfico de drogas terão redução”. Disse o promotor. 

O PODER FINANCEIRO

Ao longo das investigações os delegados do Genarc, descobriram que os integrantes da quadrilha, possuíam um patrimônio suspeito. Eles andavam pela cidade em carros e motos caras.
Além dos veículos, seis imóveis, entre eles casas luxuosas foram sequestradas por determinação da justiça.
“Provocamos o desabastecimento de drogas, com isso deve diminuir os demais crimes ligados ao tráfico de drogas, mesmo que outro grupo queria vender drogas em grandes quantidades aqui em Rio Verde, isso deve demorar muito tempo, no tráfico de drogas ninguém adquire clientes do dia pra a noite”. Disse Adelson Candeo.
Os sete integrantes da quadrilha vão responder pelos crimes de tráfico de drogas, associação ao trafico de drogas e lavagem de capitais.

O GENARC

O Grupo Especial de Repressão a Narcóticos de Rio Verde, depois de vários anos sem uma estrutura adequada para se desenvolver um bom trabalho, foi restruturado há pouco mais de um ano, assim que o delegado Regional Danilo Fabiano de Carvalho assumiu o comando da Policia Civil na região.
Durante todos estes meses de atuação, o Gernarc apreendeu grandes quantidades de drogas escondidas em veículos que possuíam fundos falsos ou compartimentos secretos.
Segundo os delegados, para prender apenas um, grande traficante, demanda vários meses de investigação e envolve toda a estrutura que a policia tem.
Por isso, o Genarc atua basicamente no tráfico de drogas considerado forte e estruturado. Já a Policia Militar que possui um efetivo muito maior que a Policia Civil, atua no combate ao tráfico de drogas das chamadas bocas de fumo.
Em relação à parceria entre as policias, a PM através das prisões realizadas praticamente todos os dias, repassa as informações para a polícia civil, que dá continuidade nas investigações.

Adaptações/Saulo Prado
Fonte/Plantão Policial RV

0 comentários:

Postar um comentário

Buscado cada vez mais interatividade com os seus leitores; o “Plantão de Policia JTI” agora disponibiliza duas caixas de comentários, a caixa especifica do site, e também a caixa de comentário do Facebook.

“NÃO MAIS SERÃO ACEITOS OS COMENTÁRIOS ANÔNIMOS OFENSIVOS A TERCEIROS NO PLANTÃO DE POLICIA JTI “

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Followers